terça-feira, 8 de maio de 2012

Projeto de governo X projeto de poder

















Nos bastidores da política, o comentário é um só: sucumbindo às pressões de forças ocultas e, também, do próprio partido, Professor Eduardo (PT) teria aceitado uma composição de chapa com João Mello (PSD). O acordo seria uma dobradinha tendo Eduardo candidato a prefeito e João Mello como seu vice.

Tão logo foi ventilada, a informação provocou repercussão e reações diversas. Entre os jovens, parcela mais significativa do eleitorado do Professor, o clima era de decepção.  O esperado era que o petista surgisse como uma opção desconectada da velha política. Ao supostamente avalizar o nome de Mello como seu vice na disputa, Eduardo mostraria que, talvez, seja apenas mais um candidato que coloca seu plano de assumir a prefeitura acima dos clamores reais da população. Entenda-se que, quando falo em clamor, não me refiro a asfalto, cestas básicas, remédios e estradas. Refiro-me a uma transformação real e efetiva no município.

Mello tem a simpatia do PT
Não seria novidade
Particularmente, sempre defendi que os laços ideológicos entre o Professor e João Mello eram muito fortes. A suposta união estaria dentro do esperado. Até porque, o mais do que estranho PT de Ibiúna sempre morreu de amores por Mello - mesmo se tratando de cria do PMDB, que passou pelo DEM e agora está no PSD. Em 2004, Eduardo foi vice de João Mello. Aliás, segundo o Professor, foi ele o responsável pela elaboração do plano de governo do herdeiro político da família Falci.

Há poucos meses, na fatídica reunião em um haras ibiunense, Mello e articuladores políticos usaram todos os argumentos possíveis na tentativa de viabilizar a parceria. Lembro-me de que, naquela mesma noite, após a reunião, recebi um telefonema de Eduardo. Ele dava a palavra de que não havia qualquer possibilidade de uma aliança entre eles. Como jornalista, não contestei a informação. Respeitei, mas desconfiei, mesmo quando o Professor comentou que parte dos envolvidos na reunião seriam "pessoas que desconhecem qualquer tipo de ética".

Tudo pelo poder?
Questionada informalmente, a assessoria do Professor Eduardo limita-se a dizer que não há nada definido até o momento. O tom do discurso, porém, revela que as chances da dobradinha acontecer são de, pelo menos, 90%. "O João Mello é muito conhecido na zona rural e foi o segundo colocado nas últimas eleições. É um nome forte", argumentou uma fonte ligada aos principais articuladores da campanha do PT.

Prof. Eduardo, em sessão da Câmara
Fica a pergunta: como Eduardo poderá falar em mudanças, em ética na administração pública, aliando-se a grupos que, segundo ele mesmo, desconhecem esse valor? Há uma contradição grave nesse ponto. Afinal, qual é a intenção do Professor: ser a mudança aguardada desde 2008 ou, simplesmente, chegar ao Executivo? João Mello pode ser um nome forte, sim, no cenário eleitoral. Mas, e administrativamente? O passado fala por si.

Ibiúna possui problemas urgentes, que se arrastam há décadas, e não precisa de políticos cuja visão seja limitada aos fins, ignorando os meios e fazendo vista grossa à natureza e conduta dos que estão ao seu lado. Em 2002, Lula ignorou todos os apelos e juntou-se a partidos como PP, PR e PMDB para chegar à presidência. Venceu as eleições, mas sob um altíssimo preço que colocou em risco seu mandato e se arrasta até hoje.

Voltando à suposta dobradinha Eduardo/João Mello. Por enquanto, o que há são especulações e muitos, muitos comentários. Fala-se de uma nova história nos moldes Cel.Darcy e Waldir Ibigospel, fala-se em ressuscitar o governo Zezito Falci... enfim, fala-se muito por aí.

Vamos aguardar.
  

25 comentários:

  1. Parabéns bruno, seu enfoque foi preciso, principalmente no que toca nas necessidades urgentes de nossa querida cidade. Eu acho que vamos ter sim um nome jovem com muita capa idade para enfrentar esses desafios, com pouco falatório e muito mas muito trabalho mesmo.

    ResponderExcluir
  2. E assim o Professor vai perdendo votos, se juntando com esse povo Falso.

    ResponderExcluir
  3. Mas o mais importante desta história toda é que tenho certeza que se o Eduardo ganhar quem irá administrar a prefeitura será ele o Eduardo e não acontecerá como muitos prefeitinhos que existem por ai que só tem nome de prefeito mas quem manda mesmo são outros! kkkk

    ResponderExcluir
  4. Péssima aliança, estou decepcionado ia votar no Professor Eduardo mas depois dessa esqueça.

    ResponderExcluir
  5. quem é joao mello??aquele que foge de ibiuna quando acabam as eleicoes?aquele que ficou tentando caçar o prefeito por nao se conformar em ter perdido?aquele dos mandados de seguranca?aquele do quanto pior melhor??

    ResponderExcluir
  6. Parabéns Bruno pelo enfoque!O Professor precisa se definir.Ele é o nome mais forte do partido e pode sim impor a chapa que seja do seu agrado.João Mello nunca enganou ninguém é um saco vazio sem idéias e sem projetos.Se Eduardo fizer a burrice de pegar ele como vice vai se arrepender muito lá pra frente.Vai ser pior que Darcy e Ibigospel.

    ResponderExcluir
  7. kkkkkkkkkkkkkkkkkk...desse jeito o Fabio Bello ganha facil.

    ResponderExcluir
  8. FORÇA EDUARDO.IBIÚNA ESTÁ COM VOCÊ.NÃO SE ALIE A ESSAS E OUTRAS RAPOZAS POLÍTICAS POIS TODOS SABEMOS QUE VOCÊ NÃO PRECISA DISSO PARA DAR UM JEITO NA NOSSA CIDADE DE UMA VEZ POR TODAS.

    ResponderExcluir
  9. O Dr João Melo é uma pessoa honesta, trabalhadora, cuidou das minhas duas filhas, e nunca ouvi falar nada contra ele. O professor Eduardo é pessoa boa também, como o Dr. João. Essa dupla tem que dar certo. Você Bruno deve estar com medo porque seu pai não vai mais fornecer pra prefeitura, sua noiva não vai ser funcionário da prefeitura, e sua irmã perderá a "pensão" que recebe do Paulinho.
    De você já ouvi falar que só sabe meter o pau em pessoas boas, aproveitando da situação.
    O Dr. João nunca ouvi falar nada, é pessoa séria e trabalhadora é merece nossa confiança.
    Falar que é ou será como o tio dele Zezito, tem seu lado positivo e lado negativo, pois foi o único prefeito que fez Ibiúna crescer, e tenho certeza que Dr. João com o Eduardo também faz.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Margarida,

      Ninguém aqui está dizendo que ele é desonesto, ou que não trabalha. A questão é:como o Eduardo quer ser a mudança ao se aliar com um representante do velho modo de administrar?

      Eu não topo João, não topo Fábio, não topo Zezito...assim como muitas pessoas, sou sedento por mudanças EFETIVAS, desde 2008. A meu ver, João Mello nunca representou essas mudanças. É minha opinião e tenho direito a ela, independentemente de qualquer coisa.

      Um grande abraço e continue a acessar o Panorama.

      Excluir
  10. Essa sua fala perde credibilidade quando você aponta que não topa a pessoa. Você como jornalista tem que relatar os acontecimentos independetemente de sua opinião.
    Ninguém pode dizer que o Dr. João não será se eleito um bom prefeito. O Dr. João nunca foi prefeito. Só depois podemos dizer. Mas, o Dr. João é honesto, trabalhador, pessoa séria, e isso faz eu acreditar que ele será sim um bom prefeito, com o professor Eduardo também, apesar de ser mais timido.

    Quem pode afirmar que o Prof. Eduardo será um bom prefeito?
    Ele

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perde credibilidade com quem? Estamos falando de um blog opinativo e não de um veículo noticioso, como um jornal por exemplo. Quem acompanha blogs sabe que encontrará a opinião, a visão, daqueles que ali escrevem. Essa é a definição de blogs jornalísticos, a definição que eu defendo. Este é um espaço independente, onde exponho minha opinião. Blogs são feitos para isso, diferentemente de jornais.

      Abraços e obrigado pela interação e audiência.

      Excluir
  11. Maria Margarida defendendo o indefensável...péssimo vereador e péssimo secretário de saúde.

    ResponderExcluir
  12. Não tenho nada mesmo contra o João Mello mas também acho que o Prof não deve se juntar a ele, já que pretende ser a opção independente.Cada um na sua...

    ResponderExcluir
  13. SE DEUS QUISER E AS PESSOAS DE BEM SE UNIREM COMO O PROF. EDUARDO E O DR. JOÃO SE UNIREM IBIUNA SAIRÁ DO BURACO!

    ResponderExcluir
  14. ZEZITO E ZE VICENTE NA AREA GEEEENTE!

    ResponderExcluir
  15. kkkk essa é boa.
    como se ninguém tivesse ovelha negra da família e pelo que sei eles são do pmdb, partido do Fábio Bello.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tão no partido do Bello mas na familia do Mello kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir
  16. O Professor Eduaro é mais bunda mole que o Coronel Darcy que foi o pior prefeito de Ibiúna, pelo fato ter falecido se tornou um martir mas era frouxo, deixou o Ibigolpe mamar na teta, também trouxe um tal de Coronel Ramires que era um bandidasso, sem contar Orlando da madereira e outros do mesmo naipe. O professor tem alianças escusas com o Abel do Cupim que deita e rola em cima do Professor, ele é frouxo e mole se deixa influenciar por pessoas mais queimadas de Ibiuna é só ver com quem ele anda.

    Nao sei como colocar meu nome neste espaçao

    ass. Marcos Oliveira

    ResponderExcluir
  17. Enquanto essa dupla faz burulho, tem um trio trabalhando quietinho nos bastidores. Paulinho Sasaki, Fábio Bello e Nélio Leite estão trabalhando duro. Segundo fontes próximas os três têm visitado várias famílias e lideranças políticsa em todo município. Vamos esperar pra ver.

    ResponderExcluir
  18. Não sei até daronde isso é verdade mas uma coisa é certa para defender como vice a classe operaria mil vezes Dr. João do que o burgues Adal como mencionado, sou frequentador dos bairros e a rejeição do adal é muito grande, afinal o correto para vice do Eduardo seria o professor JOÂO LEITE, mas o PV não pensa? vamos aguar

    ResponderExcluir
  19. É parece que esse período pré eleitoral será de espera. Ao que tudo indica todos estão com medo de assumir uma posição. Por que será? Seria medo do HOMEM?
    Podem falar o que quiserem, mas tudo gira em torno dele. Afinal existem dois cenários para eleição municipal, um com ele e outro sem ele.
    Até os candidatos ao Legislativo estão acabrunhados.
    A palavra de ordem é esperar, dia 7 de julho está chegando, aí é que vamos ver. Mas enquanto isso, os politiqueiros de plantão estão confabulando, fazendo cálculos, traçando estratégias, mas a realidade é que quem vai definir essa eleição é a justiça. Se Fábio Bello for candidato já está eleito. O povo não quer arriscar, prefere votar em quem já conhece, afinal a tentativa de mudança se mostrou desastrosa. Por outro lado, se Fábio Bello for barrado pela justiça, o caminho está aberto a todos. Façam suas apostas, se tiverem coragem.

    ResponderExcluir
  20. O melhor é ver a opinião do jornalista da situação estar dizendo que é sedento por mudanças efetivas, ou seja, confirma a péssima administração a qual está entregue o nosso município

    ResponderExcluir
  21. O MELHOR PARA IBIÚNA SERÁ ALGUÉM NOVO, AUDACIOSO, BATALHADOR, CORAJOSO.....NÃO ADIANTA ELEGER ESSES MOLENGAS, POIS SE DEPENDER DESTE TIME DE FRACOTES, IBIÚNA NUNCA SAIRÁ DO BURACO. É PRECISO TER GARRA PARA MUDAR O CENÁRIO DESTE MUNICÍPIO. ACHO QUE UMA BOA OPÇÃO É O VEREADOR CHARLES, POIS ESTE BRIGA MESMO!

    ResponderExcluir
  22. o que me impressiona ao ler os comentários é de como o povo tem a memória curta, se esquecem dos bolivianos sem CRM no Hospital, dos salários baixos e que atrasavam dos funcionários, dos asfaltos que duravam 2 meses, não vou listar meus descontentamentos para não ser cansativo, o que deixo consignado é que esse mudança deve ser por Honestidade, trabalho e competência, não é um sobrenome ou um partido que se deve escolher, mas sim um bom candidato que de preferencia ainda não tenha ocupado a cadeira de prefeito em ibiúna, pois acho que todos concordam é que nosso município está parado no tempo enquanto nossos visinhos crescem e geram empregos.

    ResponderExcluir

Seu comentário foi enviado e, em breve, será publicado.