quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Merecemos uma Câmara melhor

Vereadores, durante sessão legislativa: em baixa perante a opinião pública
Foto: Assessoria de Imprensa da Câmara Municipal de Ibiúna


Muito se fala a respeito das eleições para o Executivo, em 2012. Candidatos, pré-candidatos e aventureiros já se encontram em ritmo de campanha. Mas este período pré-eleições promove uma discussão incomum nos pleitos anteriores: jamais a sociedade debateu com tanta ênfase a respeito dos cargos legislativos. A sensação é de que, finalmente, após décadas de retrocesso, o eleitorado abriu os olhos para a importância de se desenvolver um trabalho que vá além do assistencialismo e medidas bairristas.

Trocando em miúdos, a máscara caiu. Isso se deve ao "trabalho" desenvolvido pela atual legislatura que, de tão ruim, forçou a população a voltar suas atenções ao que fazem os "nobres" vereadores ibiunenses. E a rejeição é grande. Segundo enquete virtual promovida pelo site Alô Ibiúna, 70,8% dos participantes avaliaram como "Péssimo" o trabalho do Legislativo. De acordo com o editor, Milton Giancoli, 818 internautas responderam ao questionário, sendo que a margem de erro é de 4%.

População reprova
Nas ruas, fora da esfera virtual, as reclamações também são constantes. "Todos eles (vereadores) são totalmente despreparados para o cargo", opina o Assistente Administrativo Eliankim Ferreira Amaral. "São ótimos marqueteiros, em época eleitoral, e péssimos em todos os outros requisitos", completa.

Para a Analista de Seguros Suzana Donizete da Silva Pinto, alguns vereadores ibiunenses não fazem nada de concreto."Eles não estudam, não têm ideia do que é ser vereador, só lembram dos eleitores nas eleições e, a partir do momento que são diplomados, esquecem de olhar com mais humildade para a população", opina.

"O que eu espero do trabalho Legislativo, no geral, é que exerçam a função pública que a Constituição Federal os incumbiu, e não essa palhaçada que se vê por aí", diz o advogado Mauro Atuí Neto.

Paradoxo e mudança de perfil
Em 2008, o eleitorado deu a vitória ao Cel. Darcy, mas, também, o colocou para lidar com elementos que na absoluta maioria são a antítese dos ideais propagados pelo falecido prefeito. As dificuldades impostas ao trabalho do Executivo até meados de 2009, com tentativas de cassação entre outras atitudes menos nobres, serviu para mostrar à população o quão despreparados ou, até mesmo, mal intencionados estão alguns dos que deveriam legislar pelo bem comum.

Pesa nessa conta, ainda, a insatisfação das novas gerações com o modelo engessado e ultrapassado, baseado quase que exclusivamente no assistencialismo. O mundo mudou, modernizou-se, a inclusão digital democratizou a produção e o acesso à informação. E o perfil do eleitor, felizmente, seguiu essa tendência.

"As novas gerações estão, sim, mais conscientes. O jovem quer muito saber o porquê das coisas e tem fácil acesso à informação para consultar fontes e obter o que deseja”, aponta o programador Thiago de Moraes Pinto. “Infelizmente, o assistencialismo está enraizado na cultura de grande parte dos brasileiros. Algumas pessoas consideram normal essa prática, que reflete a ausência do Estado e obriga o povo a depender de favores de alguns políticos”, reforça.

Ainda não se pode dizer que as velhas artimanhas não funcionem mais, afinal temos os "amiguinhos qualquer nota" da vida com seus eleitorados fiéis. Mesmo assim, é nítido que esse sistema não se sustentará nos próximos anos. Gradualmente, a sociedade tem aprendido a colocar no devido lugar quem explora a miséria alheia.

Uma renovação da Câmara em 100% ainda é utópica, entretanto, já podemos esperar uma mudança significativa em relação ao atual cenário.

E essa já é uma excelente notícia.

15 comentários:

  1. e isso ai BRUNO ate que em nossa cidade temos uma pessoa idônea. faça sua parte abra os olhos,dos eleitores vamos acordar os jovens nunca vi estudantes,que não sabem revindicar,seus direitos não tem ideais,agora vamos cutucar os jovens?????

    ResponderExcluir
  2. Proponho a renovação total da câmara municipal, chega destes vereadores/chupins/assistentes socias. CHEGA DOS MESMOS, juventude no poder, idéias novas.
    Parabéns pela maatéria, como sempre brilhante.

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde Bruno!Já passou a hora da população ver que com uma Câmara forte o município só melhora, pois haverá uma fiscalização correta do Executivo.Com bons vereadores é muito difícil o prefeito cometer deslize.Por que fiscalizar é uma coisa diferente de defender interesse próprio igual fazem esses que estão aí.Uma hora cassam o prefeito,deopois ficam de bem.Uma hora querem a cabeça do secretário,depois se acertam.O que eles querem, afinal?

    ResponderExcluir
  4. o pior ainda é assistirmos a um vereador como Pedrão D'Agua virar Presidente da câmara. Um sujeito que não tem cultura e idoneidade nenhuma e ainda quando foi questionado agrediu cidadões.

    ResponderExcluir
  5. Assistencialismo é o c**lho, dá um tempo...

    ResponderExcluir
  6. Bruno, também somos responsáveis por essas mudanças que, a população, vem demostrando. Somos autocriticos atuantes e temos como obrigação de manisfestar em prol de mudanças e desenvolvimento do município. Vamos fazer a nossa parte através das crônicas e das matérias em seu blog. Abraço e mãos a obra.

    ResponderExcluir
  7. Olhe, Bruno, gostei da matéria. É fundamental ampliar todos os espaços de discussão e intervenção sobre o terrível cenário político vigente em Ibiúna. Uma idéia: vale a pena analisar e discutir a sórdida prática de guerra eleitoral tão apreciada pelos grupos políticos ibiunenses e que consiste em divulgar planfletos caluniosos e grosseiros. Essa prática perniciosa joga o debate no subsolo!!! No mais parabéns pelo trabalho. Continuarei a acompanhar!

    ResponderExcluir
  8. Com certeza, Aster!
    A oposição já tem usado essa prática contra o atual governo há algum tempo. Trata-se de um jogo baixo e que só fortalece a má política.

    Fico agradecido pela audiência!
    Abração

    ResponderExcluir
  9. Claudinho do Rosarial27 de outubro de 2011 02:36

    parabens, BRUNO, SILDETE, CESAR, ASTER ETC... por mostrarem seus nomes. Afinal se vivemos numa democracia e temos liberdade de pensamento expressão e imprensa e como ja comentei anteriormente sempre vejo que os comentaristas exaltados e radicais sempre assinam por anônimos. Entendo que expor o que pensamos não é crime e isso ajuda até mesmo numa possível correção dos erros. A coerência nas atitudes e pensamentos podem ajudar a avançar na busca de um melhor comum, principalmente na política. Muito sensato foi o comentário do programador Thiago de Moraes Pinto o assistencialismo está enraizado no povo brasileiro, isso nao é exagero, pois podemos comprovar com todos os programas desenvolvidos pelo governo Federal, estadual e Municipal. Na ância de tirarmos pessoas das condições de miséria caimos em contradição pois sem gerar condições de sustentabilidade independente aos beneficiados eles acabam vivendo dos programas bolsas(1,2,3 etc...).
    Aos futuros candidatos que se acham preparados pra enfrentar essa disputa fica aqui um conselho, estudem a lei Lei Orgânica do Município e o Regimento Interno da Câmara Municipal neles estão os rumos a serem tomados na administração Municipal atual e futuras.
    Sempre lembrando que o assistencialismo está enraizado na população Brasileira
    (Claudinho do Rosarial) VEREADOR

    ResponderExcluir
  10. Quando o Sr. Eliakim diz:
    "Todos eles (vereadores) são totalmente despreparados para o cargo"...
    Ele deveria dar crédito ao Prof. Eduardo que tem competência, é totalmente preparado e carrega Ibiúna nas costas SOZINHO!
    Deveria dar ao home o que é do homem e não generalizar, só porque esta dentre "incultos"!

    OBS: Não voto em Ibiúna e não defendo nenhum partido politico de ninguém! Sou cidadã comum!

    ResponderExcluir
  11. Bom na minha opinião, nenhum deles estão preparados, nenhum é nenhum, o Professor Eduardo tem sim suas qualidades, mas já se mostrou em diversas vezes, desqualificado para o cargo, creio que ele ainda tem muito o que aprender na politica, e pode sim se tornar um bom politico, mas hoje dentro daquela câmara só tem marketing pessoal.

    ResponderExcluir
  12. Tomara que nenhum deles queiram tentar me agredir no Baile do Hawaii

    ResponderExcluir
  13. Brunão parabens pela materia novamente, elogiar este blog com certeza é chover no molhado, do jeito que as coisa andam em nossa cidade a vaca nem vai mais pro brejo, é o brejo que vai na vaca,a forma de legislar da atual camara é horrivel, sempre cunmprindo ordens do executivo e dizendo amém a tudo que lhes é ditado, é impressionante uma cidade a menos de oitenta kilometros da maior cidade do brasil pode viver politicamente desta forma, falar em assistencialismo aqui então...infelizmente o vereador claudinho tem razão, o Brasil é assistencialista, mas Ibiuna se supera, eu mesmo estando longe da prefeitura tenho sentido na pele como as pessoas procuram assistencia. Agora, não devemos nunca negar que a coisa está desenfreada la na camara isso está, esta semana uma pessoa me encontrou na prefeitura e pediu um remedio que em qualquer postinho da mais longinqua cidade do interior do Brasil com certeza teria (sulfato ferroso)remedio basico para gestantes, e anemicos, custo R$ 13,00 não tinha na farmasus e eu ouvi uma sugestão: procura um vereador que ele tem, Onde vamos parar? Quanto a ler a lei organica do municipio como disse o vereador é muito valido,regimento interno tambem o é, mas principalmente precisa-se saber oque fazer com todas as informaçoes que la constam, vemos vereadores perdidos em votações, em uma sessão nem o atual presidente sabia oque mandava o regimento interno, mas oque mandava o executivo isto todos sabiam, tanto que fizeram como o recomendado, é por isso que todo o municipe Ibiunense quer uma troca geral lá na camara ou (cocheira do Rubi) como diz nosso amigo Mirto, o do blog,Recentemente um partido politico em Ibiuna distribuiu a seus pré candidatos uma cartilha feita pela CGU (CONTROLADORIA GERAL DA UNIÃO)Ensinando alguns caminhos a serem percorridos pelo veredor apos eleito, tenho certeza que alguns dos atuais vereadores tiveram a oportunidade de conhecer, pois muitos de seus "assessores" tambem levaram alguns em uma outra reunião aberta, eles poderiam tentar ao menos corrigir oque fizeram até agora e tentar mudar a forma de legislar, quem sabe o povo não passa a dar um pouquinho de credito aos mesmos, creio que falta inteligencia politica em nossos representantes, para não chamarmos de alienados que é oque parece ser a grande maioria da casa.Os futuros candidatos não devem achar-se preparados e sim preparar-se para a empreitada, para que se eleitos forem façam por merecer estar lá, e quando num caso como este de criticas saibam responder a altura os seus eleitores,de que vale agora o momento se não vamos ter historia para contar a nossos netos, com certeza alguns dos que lá estão jamais contariam a seus filhos oque fazem a seu proprio povo, portanto esta mais doque na hora de mudar sim, e vamos lutar muito por isso podem apostar...chega de vereadores mesquinhos,que só pensam no proprio umbigo,todos os que teem acesso a informações devem sim por a boca no trombone e divulgar seu descontentamento, quem sabe assim a coisa não começa a mudar...Vamos pensar nisso povão...Atenção vereadores sei que todos vcs leem esse blog! façam alguma coisa que não seja para promover secretarios que vcs tanto babam ovo e ajudem o povo de Ibiuna, chega de mentiras, enganação, a saude de Ibiuna não esta como o escrito e vcs sabem disso, por conta disso quase perdi meu pai a alguns dias, vi mãe que perdeu filho por negligencia medica e vcs sabem, então tomem atitude de homens e lutem por uma Ibiuna melhor antes que seja tarde demais e nossa cidade afunde junto com esses que vcs veneram, meu nome est´[a ai para todos verem não preciso me esconder, tenho orgulho de ser o unico funcionario de uma gestão perseguida por vcs que recebeu moção de aplausos por serviço prestado a população, portanto acho que posso cobrar alguma coisa também, embora saiba que muitos dos que ai estão me perseguiram sem causa mas hoje a verdade está ai para todos verem #acordacamara

    ResponderExcluir
  14. Ilustre Bruno e caros amigos ibiunenses.
    Louvado seja o esforço dos conterrâneos na busca incessante de um novo rumo político para a nossa auspiciosa cidade. Somos poucos, mas, aguerridos nesta luta. Não lutamos por reconhecimento e sim, por um rumo, por um norte, por uma oportunidade de fazer da nossa cidade natal um presente para os nossos descendentes. É pedir muito? Claro que não! No entanto, estamos longe de conseguir a façanha de mudar o que vem de berço, a falta de urbanidade, a falsa ética, a subserviência ao poder, a ignorância do que é o estado de direito, enfim, a miopia social que, conforme as sátiras de juvenal se traduz em "panis et circenses", onde pão se encaixa no assistencialismo e o circo se transforma em Shows populares. Ora vejam, meus amigos, discutir a qualidade dos atuais edis é jogar pérolas aos porcos, pois o que importa é o resultado. Vai dai que pergunto: que resultado? Não obstante, essa conversa é longa e este espaço do Bruno, tenho certeza, se prende ao hercúleo esforço de dar luz ao que não tem lume, clarão, fulgor ou brilho na nossa cidade: que é o caráter construtivo da política municipalista, que não está escrita só na lei orgânida do município e sim na carta magna. No orgulho da nossa história e no verdadeiro caráter dos ibiunenses. Sendo assim, proponho nos concentrarmos no que é mais importante: QUAL É A SOLUÇÃO PARA A MUDANÇA?
    Saudações a todos, com um fraterno abraço.
    Milton Giancoli

    ResponderExcluir
  15. A respeito dos vereadores:

    O presidente da atual camara teve 4 anos para tentar, ao menos, tentar renovar o paisagismo da praça da matriz. O fez, não. O mesmo tem dois comércios nas redondezas, demonstra o qual brilhante administrador este não é.

    O Sr. Claudinho refere-se ao "assistencialismo enraizado", mudemos o foco para as reformas necessárias na praça desde que o antigo prefeito reformulou-a seguindo um projeto desenhado no jardim de infância. Foram-se quatro anos, e o mesmo edil, que como vereador é excelente contador, também não solicitou aos colegas nenhum projeto a esse respeito, quanto menos sonhar em escrever.

    De todos, chegou à imprensa um projeto do prof. Eduardo, que, inexplicavelmente não foi levado à frente. Falta-nos as respostas.

    Gostaria de desejar ao Papai Noel, o santo desejo de um Feliz Natal à todos os leitores deste blog !!!

    E se possível a retirada de nove edis, que durante quatro anos male e mal tentaram revitalizar o nosso centro. Que não sejam lembrados nas eleições do ano que vem.

    ResponderExcluir

Seu comentário foi enviado e, em breve, será publicado.